Opinião: Utada Hikaru foi e ainda é uma das maiores referências do Pop Japonês

junho 27, 2016 Leo Miyamoto 0 Comments

É interessante que quando conheci a Utada ela já era uma das grandes referências do pop japonês (2005, 2006) e era figurinha carimbada para muitos fãs que falavam sobre. Hitomi Shimatani, Yuna Ito, Mika Nakashima, Ayumi Hamasaki, Namie Amuro, Koda Kumi, YUI eram algumas das citadas, e lógico, a Hikki.

Porém mais interessante ainda é que os fãs, todos eles, mesmo quando houve um momento de pausa em lançamentos, não esqueceram de tudo o que a Hikki conseguiu no J-POP - Inclusive festejando o lançamento de Hanataba wo Kimi ni e Manatsu no Tooriame.

Cada rumor de lançamento ou comeback era visto com muita euforia. Uma artista que já forneceu músicas temas a doramas como Majo no Jouken, Hana Yori Dango, Innocent Love e Last Friends. E a um jogo como Kingdom Hearts.

Tivemos a oportunidade de constatar: Mesmo em pausa, a Hikki ainda era uma das artistas mais amadas do Japão: Com os singles recentes, não foram poucas as vezes que ficou nos primeiros lugares nas paradas digitais. Prova disso foram as várias vezes que postei o ranking Recochoku na página da Nandemo.

Mesmo eu, que desejava um lançamento dela mas não tinha, postei algumas vezes músicas dela, relembrando um pouco do que ela fez pelo J-POP.

Hoje já não é relembrar: É a realidade: Hikki está nos primeiros lugares nos digitais. Se seu novo álbum estiver chegando e se depender da receptividade dos fãs, será mais um grande sucesso da sua carreira, certamente.

Parabéns, Hikki. Se existem fãs que até hoje amam teu trabalho e o acompanham, você tem todo o mérito. Continue assim.

Você pode gostar de: