Homem é preso por perseguir integrante do grupo HKT48

0 Comments


Um homem de 44 anos da província de Fukuoka foi preso por perseguir uma garota de 18 anos, integrante do grupo HKT48. Pelo menos quatro vezes ele foi visto passando de carro pelo apartamento da garota dos dias 29 de maio até o dia 22 de junho. Com isso, ele violou a lei anti-perseguição.

A integrante não teve a identidade revelada. 

Isso é crime no Japão e ao ser questionado, ele disse que "estava pensando na possibilidade de conhecê-la se passasse em frente à sua casa".

Agora, os policiais estão tentando descobrir se o homem tinha outras intenções. Ele não foi identificado

Falando em perseguição, tem também a ver com a idol Mayu Tomita, que foi procurada via redes sociais pelo agressor e esfaqueada mais de 20 vezes. Devido a isso na época, se teve algumas discussões a respeito da eficácia da lei anti-perseguição, que neste caso, foi colocada em prática.

Felizmente, tanto na notícia de ontem como na de agora, ninguém se feriu ou se prejudicou. Mas é muito preocupante e assustador que essas situações estejam acontecendo. 

0 comentários:

Siga @naodeixeojpopmorrer