SEKAI NO OWARI anuncia novo single, RAIN!


A SEKAI NO OWARI acabou de anunciar o lançamento de um novo single, RAIN! Em três versões, será lançado no dia 5 de julho

Detalhes sobre a tracklist serão revelados em breve. O último single, Hey Ho, foi lançado em outubro do ano passado. 

Narratage: Veja o trailer do filme com Jun Matsumoto e Kasumi Arimura


Hoje saiu um trailer de 30 segundos do filme Narratage, com Jun Matsumoto e Kasumi Arimura nos papéis principais.

Jun Matsumoto será Takashi Hayama, professor de ensino médio da Izumi Kudo, interpretada pela Kasumi Arimura. Os dois se reencontram quando ela já está na universidade e vivem um amor proibido. Narratage é um filme baseado na novel homônima de Rio Shimamoto, de 2005.

O filme terá sua estreia nos cinemas japoneses em 7 de outubro.

Veja o novo clipe da DAOKO, 'Haikei Goodbye Sayonara'


Ontem, DAOKO lançou o clipe do seu segundo single digital, 'Haikei Goodbye Sayonara', onde ela esbanja sensualidade e rebeldia.

Atrasada para fazer um ensaio, o fotógrafo e ela trocam olhares sedutores. Aparentemente são namorados, ela pergunta se ele esteve com uma garota no dia anterior e ele se faz de desentendido. No começo, ela faz poses atraentes e ele consegue belos cliques. Aos poucos ela fica entediada com as atitudes dele e então, impaciente, joga as flores contra o fotógrafo e ainda destrói o cenário. Assim termina uma "love story".

Veja o clipe de 'Haikei Goodbye Sayonara'

A música foi lançada no dia 15 e já pode ser encontrada no Spotify!


E aí, o que achou?

We are FIGHTING DREAMERS: FLOW anuncia miniálbum de 15 anos de carreira!


Right here, right now, GO!

Iniciando as comemorações para os 15 anos de carreira, a banda FLOW fará uma turnê e lançará um mini album, intitulado 'FIGHTING DREAMERS' para o dia 28 de junho!

Vale lembrar que ainda este mês, 'GO!' fará 13 anos de lançamento. (28 de abril de 2004) A música foi a quarta abertura do anime NARUTO.

Que tal rever?

Tokyo Ghoul: Veja o pôster do filme!


Saiu o trailer, a caracterização dos personagens, a data de estreia. Só faltou o pôster, ou melhor, faltava;

Aí em cima, o pôster de Tokyo Ghoul, em que Ken Kaneki aparece com todo o destaque. O filme terá sua estreia no dia 29 de julho.

Veja o trailer aqui!

Masataka Kubota como Ken Kaneki

Fumika Shimizu como Touka Kirishima

a-nation 2017: Festival da avex trax tem dias confirmados!


Desde 2002 o a-nation é o festival anual dos artistas da avex trax.

Diversos artistas da gravadora já participaram deste especial, como ayumi, Koda, AAA, Do As Infinity, BoA. Neste ano, o a-nation será realizado nos dias 26 e 27 de agosto, no Ajinomoto Stadium (Estádio de Tóquio)

Os convidados desta edição ainda não foram anunciados, mas e aí? Quais são seus palpites? ;)

ayaka anuncia novo single físico, 'Kotonoha' + Clipe


Há algumas semanas foi anunciado o novo single da ayaka, 'Kotonoha'. É o primeiro single físico em três anos, desde 'Nijiiro'. Em 2015, ayaka anunciou o nascimento da primeira filha, com o ator Hiro Mizushima.

No ano passado, em comemoração aos 10 anos de carreira, lançou a regravação de seu primeiro single, 'I believe'!

Veja a lista de músicas e o clipe logo abaixo!

(Lista de músicas)
1. Kotonoha
2. Sentiment
3. Kotonoha (instrumental)
4. Sentiment (instrumental)


Kotonoha será lançado no dia 10 de maio e é o 16º single da ayaka.

Do As Infinity: Duo anuncia novo single com produção de Sawano Hiroyuki + Prévia


Pode anotar aí no calendário: Antes de marcar presença aqui no Brasil, o Do As Infinity lançará um novo single, com produção do Sawano Hiroyuki, no dia 28 de junho!

O single se chamará "Alive" e a B-side ainda tem um título desconhecido.

(Lista de músicas)
1. Alive
2. Título desconhecido
3. Alive (instrumental)
4. Título desconhecido (instrumental)

Fullmetal Alchemist: Veja uma nova imagem do filme!


Ontem saiu um belo poster de Gintama e hoje, mais uma imagem de live-action, Fullmetal Alchemist ou Hagane no Renkinjutsushi. Nela, estão Edward e Alphonse Elric, dois irmãos que tentam restaurar seus corpos, perdidos ao tentarem trazer a mãe de volta.

O primeiro anime saiu em 2003 e o segundo, 'Brotherhood', em 2009. O mangá foi publicado no Brasil há alguns anos em formato meio tankobon pela JBC, mesma editora que relançou o mangá no ano passado.

O filme live-action, com Ryosuke Yamada como Edward e Tsubasa Honda como Winry Rockbell terá sua estreia no dia 1º de dezembro (sexta) nos cinemas japoneses.

Beauty and the Beast: Nissy e Misako Uno cantam música de 'A Bela e a Fera'!


Hoje, uma surpresa mais que especial! Nissy (Takahiro Nishijima) e Misako Uno, do grupo AAA, cantam 'Beauty and the Beast', do filme da Disney de mesmo nome! A música foi gravada por Angela Lansbury. Depois, como um dueto, por Celine Dion e Peabo Bryson. Recentemente, foi regravada por Ariana Grande e John Legend!


Mais uma parceria bacana entre os integrantes do AAA! Até recentemente, Misako Uno mantinha um duo com a Chiaki Ito, que saiu do grupo no mês passado. Já Nissy continua em sua carreira solo!

No Japão, 'Beauty and the Beast' teve sua estreia no último dia 21!

Gintama: Veja o novo teaser trailer + Pôster do filme live-action!


Em julho sai o live-action de Gintama! Recentemente, foi noticiado que a UVERworld será responsável pela música tema e hoje, foi revelado mais um pôster e um teaser trailer. Aqui, além do Masaki, da Kanna e o Shun, vários outros atores e atrizes do elenco estão representados.

Gintama, baseado na obra de Hideaki Sorachi, terá sua estreia nos cinemas japoneses dia 14 de julho, com Shun Oguri, Masaki Suda, Kanna Hashimoto, Masaki Okada, Masami Nagasawa, Tsuyoshi Domoto, Yuya Yagira, Tsuyoshi Muro, Kankuro Nakamura, Ryo Yoshizawa, Ken Yasuda, Akari Hayami, Horifumi Arai, Jiro Saro e Nanao.

Nigeru wa Haji da ga Yaku ni Tatsu: Nunca é tarde para começar!


Neste feriado, aproveitei um pouco do meu tempo livre para ver 'Nigehaji'. Confesso que apesar de toda a propaganda que fizeram deste dorama não esperava que ele fosse tão legal!

Ele fala muito da valorização do serviço doméstico.
Acredito que tenham muitas donas de casa que estejam lendo este post e é muito interessante a reflexão que é feita no dorama em relação a isso. Sobre o que seria o salário de uma dona de casa, sobre o quanto valorizamos. O quanto o serviço doméstico é importante e o quanto devíamos sentir gratidão e respeito.

Por outro lado, os dois protagonistas vivem uma situação também comum.
Mesmo com uma pós graduação, Mikuri (Yui Aragaki) se vê em uma situação difícil na procura de um emprego. Já  Hiramasa (Gen Hoshino), é demitido de seu trabalho por causa da crise da empresa, por mais especializado e competente que fosse.

Traz também uma reflexão acerca da idade. Estava também conversando isso com um amigo. Será que a idade é uma barreira mesmo? Ou será algo que pode ser superado? A falta de experiências, o "é tarde demais" são suficientes para acabar com uma vida?

No dorama, os dois protagonistas tem 10 anos de diferença de idade. Coisa que também não é tão difícil de encontrar por aí.

A tia da Mikuri, Yuri Tsuchiya (Yuriko Ishida) é 17 anos mais velha que seu amado Ryota Kazami (Ryohei Otani) e por isso reluta em viver um relacionamento com ele. Sem perceber, ela tinha dedicado toda uma vida ao trabalho e deixado a questão amorosa em segundo plano. Para ela, já era tarde demais. O dorama mostra esse lado do preconceito com a diferença de idade.

A questão do rótulo vem junto.
Será que uma pessoa "tem cara" de ser alguma coisa? Ou será apenas um rótulo que colamos na testa de alguém, dizendo "você pode" ou "você não pode?". O homossexualismo é tratado de forma leve e sem muitos estereótipos por aqui também. (Eu já vi estereótipos extremamente forçados. Se você viu o dorama, talvez você tenha percebido alguns, mas pra mim foram menos forçados do que em outros)

O Hiramasa (Gen Hoshino), que é engenheiro de sistemas - super competente no trabalho - tem problemas na vida amorosa. Durante 35 anos de sua vida, não teve relacionamentos, beijos, abraços (apenas dos parentes, nada de namoradas) e não sabia como lidar com estas situações. Ele já havia se conformado em viver sozinho pelo resto da vida.

Não sei se já viram Koinaka, mas assim como ele,
é um dorama que mostra as situações do nosso dia-a-dia de uma forma bem natural. Ele traz as situações normais dos relacionamentos, amizades, as felicidades e as dificuldades da vida, de uma forma bem gostosa de assistir, com simplicidade e ao mesmo tempo de uma forma muito bonita. Não é moralismo, não é forçado, não é algo surreal.

Aqui não temos um casal da mesma idade. Não temos pessoas bem-sucedidas em tudo. Não temos pessoas endinheiradas. Todas as pessoas trabalham, lutam pra sobreviver da forma que podem. Tem medo. Tem anseios. Tem frustrações. Tem expectativas. Tem momentos de felicidade e outros em que parecem que vão explodir, depois de um dia cansativo de trabalho.

Os protagonistas sofrem crises como qualquer casal e se empenham em resolver o problema de forma conjunta. Mikuri e Hiramasa tentam manter a gratidão, o respeito e o reconhecimento um com o outro.

É por tudo isso que o dorama é bacana. Eu acho que muitos de nós nos encaixaríamos em 'Nigeru'.
A vida afinal, não é um mar de rosas, não é perfeita, não é um conto de fadas. Ainda que esteja falando de uma ficção, pode-se dizer que muito disso acontece na vida real.

Hiramasa (Gen Hoshino)
é um engenheiro de sistemas que trabalha em uma empresa de softwares. O mais competente por lá e capaz de resolver qualquer erro de programação que exista. Mikuri (Yui Aragaki) é uma garota pós-graduada que está à procura de emprego após ser dispensada de um trabalho temporário. Com isso, os pais de Mikuri a empurram para fazer trabalhos domésticos na casa deste engenheiro, com um bom salário.

Ele gosta do trabalho de Mikuri e quer contratá-la como doméstica. Como os pais dela vão morar em outra cidade e ela não quer se mudar, acaba fazendo uma proposta inusitada a ele: Que seja feito um casamento por contrato (sendo que os dois acabaram de se conhecer) onde ela moraria na casa dele e seria responsável pelos afazeres domésticos.

Tentando esconder de todos que se trata de um casamento de contrato, Mikuri e Hiramasa são forçados a parecerem ser um casal. E isso leva eles a serem de fato um casal.

Não demora muito e a proximidade dos dois faz com que Hiramasa quebre sua casca de uma pessoa fria e comece a demonstrar seu amor por Mikuri. Uma coisa porém atrapalha: O seu complexo de inferioridade, que o faz se colocar "abaixo" de outros homens. Sente que não consegue ser alguém que possa conquistar a Mikuri.

Aos poucos, Mikuri percebe que apesar de Hiramasa ter dificuldades pra se relacionar, ele tem boas intenções e não consegue verbalizar isso facilmente. Assim como seu pai, quieto e sério, ele demonstra muito mais o amor por ações do que pelas palavras.

Acaba que felizmente com o apoio dela, o Hiramasa começa a superar esse complexo de inferioridade, toma uma vida mais prazerosa e motivante, além de se valorizar.

É muito bonito o esforço dele em abraçar a Mikuri.
Amor não falta, mas ele não está acostumado e sente muita vergonha. E igualmente bonito, é ver a Mikuri estendendo os braços para ele, aceitando-o tal como ele é. Pegar na mão, dar um beijo, passo a passo, tudo isso respeitando o tempo dele. Aos pequenos passos, degrau a degrau, ele se solta.

Mikuri é obstinada e dedicada. Quando tem uma ideia, está disposta a colocá-la na mesa e discutir.
Ela tem personalidade forte e tenta sempre fazer o melhor, mesmo que ninguém esteja vendo, pois quer ser profissional. Ela também se rende às palavras de Hiramasa, que confesso, até eu bati palmas.

Ele disse algo do tipo "Ah, a comida de fora é boa porque é às vezes que comemos. Mas adoro a comida que você (a Mikuri) prepara".

Por mais Hiramasas e Mikuris, eu sou favorável!
Um casal que eu torci do início ao fim. Tanto quanto Doumyouji e Makino. Ou Aya e Haruto!

Muito mais do que um dorama que aborda diversos temas importantíssimos e contemporâneos, muito mais do que um dorama que aborda a vida como ela é, muito mais do que um dorama que tem personagens que você torce para serem felizes, muito mais do que um dorama que tem diversão, aprendizado e emoção de sobra, vem a cereja do bolo, a Koi Dance!

A cada encerramento, eu ficava ansioso pra começar o Gen Hoshino cantando Koi e o elenco dançando. Sim, esse é o 'grand finale' de cada episódio.

Está claríssimo que eu recomendo esse dorama! Inclusive eu acho que entra na lista de "doramas que você tem que ver na vida". Muito bom, muito inspirador, muito bonito. Espero que vocês tenham gostado, um ótimo dia a todos! Não podia faltar, Koi!